By

Os dois “tudo” de duas Teresas – VÍDEO

Santa Teresinha do Menino Jesus conta em sua autobiografia (1) um fato muito formativo para quem quer ser verdadeiramente filho de Nossa Senhora e, portanto, de Deus. Outra Teresa, também Santa — Santa Teresa de Jesus — conta outro fato muito pitoresco que poderia se tomar como o “outro lado da medalha” do fato contado pela primeira Santa.

“EU ESCOLHO TUDO”

Uma das irmãs maiores de Santa Teresinha, Paulina, ia entrar como religiosa no Carmelo. Nas vésperas de sua partida para o convento, apresenta a sua cestinha de costura para as irmãs menores e pede que escolham o que quiserem do conteúdo da cesta. Uma delas escolhe um lindo novelo. Santa Teresinha, então com nove anos olha de relance o belo conjunto da cestinha e diz convicta:

— Eu escolho tudo! — …e realmente ficou com tudo.

“E VÓS, QUEM SOIS”

A outra Teresa é Santa Teresa de Jesus, também conhecida como Santa Teresa d’Ávila. O fato passa-se séculos antes, algum tempo depois da descoberta do Brasil.

Caminhava Teresa rezando e meditando no claustro do convento quando vê um menino de extrema beleza, com vestes mais parecidas com a luz.

Ela, encantada, admirava o menino e, surpresa, este se dirige a ela:

— Quem sois vós?

Ao que Teresa responde;

— Sou Teresa de Jesus. E vós?

— Sou Jesus de Teresa…

APRENDENDO COM AS DUAS SANTAS

Os Santos — e de modo todo especial a Santíssima Virgem — são propostos pela Igreja como modelo aos fieis. O que podemos aprender —entre outras coisas — desses dois fatos?

Santa Teresinha, ao narrar o fato em sua autobiografia, completa que este “escolher tudo” ela o fez também a tudo que Deus lhe pedia por meio da graça. Já nas palavras do Menino Jesus a Santa Teresa d’Ávila, Ele deixa claro que também lhe dera tudo: “Sou Jesus de Teresa”.

Assim faz Nossa Senhora conosco

Na consagração a Jesus pelas mãos de Maria ensinada por São Luís Grignion (2) a essência dos dois fatos ocorre: Consagrando-nos, damos tudo a Nossa Senhora, mas também Nossa Senhora — e com Ela, Jesus — se dá totalmente a nós.

Nós lhe damos tudo: corpo, alma, bens exteriores e espirituais, inclusive nossos méritos. Não duvidemos: Ela nos dará tudo. “Suas virtudes substituirão nossos pecados; seus méritos serão nosso ornamento e suplemento perante Deus”. (3) É disso muito esclarecedor o VÍDEO a seguir, de uma explicação do Mons. João Clá, Fundador dos Arautos do Evangelho.

 

(1) Cf: Santa Teresinha do Menino Jesus, História de uma alma – Manuscritos autobiográficos, Paulus, São Paulo, 2017, 32ª edição.

(2)  São Luís Maria Grignion de Montfort, Tratado da verdadeira devoção à Santíssima Virgem, Vozes, Petrópolis, 2019.

(3) Idem, p. 180, (Oração a Maria, para seus fieis escravos)

 

Ilustrações: Arautos do Evangelho, col. Particular redator.

One Response to Os dois “tudo” de duas Teresas – VÍDEO

  1. Igor De Lazari Dessaune says:

    Muito tocante! De ferver o espírito!