By

O QUE ESCREVEU JESUS?

jesus-escreve-milao

A dois mil anos a Igreja Católica prega a sublime doutrina de Jesus. Mas, o que Ele deixou escrito? O que dá vitalidade a toda a ação da Igreja? O que anima as almas a praticarem a virtude e evitarem o pecado? O que inspira artistas das mais variadas artes a “retratar” a doutrina de Jesus? Essas perguntas têm resposta no artigo do Mons. João Clá, Fundador e Superior Geral dos Arautos do Evangelho que publicamos hoje.

O QUE É EVANGELIZAR?

mons-joao-cla-ae

Mons. João Scognamiglio Clá Dias, EP

O que entendemos por “anunciai o Evangelho”? Sabemos que Nosso Senhor Jesus Cristo nada deixou escrito, nem sequer um bilhete, quando poderia ter redigido textos de extraordinário valor. Que seria a obra de um Dante Alighieri, um Camões ou um Calderón de la Barca perto de sua divina literatura?

Nos Evangelhos consta que Ele só escreveu uma vez e sobre a areia (cf. Jo 8, 6.8), pois um de seus objetivos era constituir uma obra e, muito além de qualquer livro, ter modelos, tipos humanos para realizar uma ação direta, de pessoa a pessoa.

apostolo-pregando-wp

Foi o que Ele fez: fundou a Igreja, instituição imortal que se baseia muito mais no apostolado pessoal e na ação de presença do que numa produção intelectual. É importante a doutrina, mas ela, de si, não é suficiente para converter as almas, porque “a letra mata, mas o Espírito vivifica” (II Cor 3, 6).Logo, ela precisa ser difundida “pelo mundo inteiro”, mediante o invólucro do Evangelho, isto é, os princípios tornados vida.

Mais ainda, São Marcos é o único dentre os evangelistas a afirmar que Nosso Senhor deu o mandato de levar a Boa-nova “a toda criatura”, o que abrange não só os homens, mas também os minerais, vegetais, animais e inclusive os Anjos.

 À primeira vista julgaríamos que o Evangelho se destina apenas aos seres humanos, pois como pregá-lo, por exemplo, a uma grade, a um panorama ou a um bando de aves?

 A nossa atuação, enquanto batizados, deve visar a disposição de todas as coisas tendo o Homem-Deus como centro.

Grade do coro da Catedral de Notre Dame - Laon - França

Grade do coro da Catedral de Notre Dame – Laon – França

Pregar, então, o Evangelho a uma grade implica em fazê-la bela e ao mesmo tempo funcional, a fim de que dê glória a Deus pelo fato de existir. A beleza é um dos reflexos mais salientes e penetrantes da existência de Deus, e quem contempla algo esplendoroso facilmente se eleva até Ele.

 Para levar o Evangelho a toda criatura é necessário abraçar a via pulchritudinis, [via da beleza] um dos meios mais eficazes de propagaras maravilhas trazidas ao mundo por Cristo.

Isto significa sacralizar os gestos, o modo de se comportar ou de executar qualquer tarefa, desde cultivar a terra de maneira a obter frutos de aspecto atraente até erigir prédios de acordo com padrões inspirados no Evangelho. Numa palavra, é querer que a Terra se transforme num verdadeiro Paraíso.

 

(Publicado em “O inédito sobre os Evangelhos”, Libreria Editrice Vaticana, 2014, vol. III, p. 370-371. Também na revista “Arautos do Evangelho”, nº 161, maio de 2015, p. 13-14. Para acessar a revista Arautos do Evangelho do corrente mês clique aqui )

One Response to O QUE ESCREVEU JESUS?

  1. Jupira says:

    Jesus por nós prova de amor maior nao ha