By

Rainha dos corações

Quando Pilatos perguntou a Jesus: “és o Rei dos Judeus?” (Jo 18, 33), na resposta o Divino Redentor confirma, mas acrescenta não ser o seu reino deste mundo (cf. Jo 18, 36). Ansiava o povo judeu pela vinda de um Messias terreno com o poder e a missão de livrá-lo do domínio romano. Mas, inúmeras vezes, alertara Jesus não ter vindo para isso.

Os reis terrenos se caracterizam pelo poder das tropas, pela riqueza material e grandeza de seu palácio. Ora, aprouve à Divina Providência que o Redentor da humanidade, o Rei dos reis, nascesse pobre em uma fria gruta de Belém, fosse repousado em uma simples manjedoura e aquecido pelo calor de um boi e de um burro… Contraste maior, impossível. O seu reinado é espiritual, no interior das almas, pela ação da graça divina. Como consequência, desse império sobre os corações, com o tempo se formaria toda uma civilização baseada no Evangelho.

Mãe de Jesus, “Maria é Rainha porque foi associada de modo único ao seu Filho, tanto no caminho terreno como na glória do Céu” (1). Contrariamente aos critérios mundanos, é próprio à realeza de ambos a humildade, o serviço e o amor aos homens. E “como exerce Maria esta realeza de serviço e amor? Velando sobre nós, seus filhos”.(2)

Para Nossa Senhora reinar em crescente número de famílias, vêm os Arautos do Evangelho promovendo nos países onde atuam a disseminação a mais ampla possível do Apostolado do Oratório Maria Rainha dos Corações.

No momento em que se verifica uma preocupante diminuição da prática religiosa no Ocidente, a peregrinação do Oratório de lar em lar tem contribuído de modo eficaz, como o fermento na massa, para o resgate de incontáveis fiéis cujas famílias passam a ser de fato Igrejas domésticas, nas quais reinam Jesus e Maria.

São centenas de milhares de pessoas que retornam à vida eclesial, frequentando regularmente os Sacramentos e tornando-se membros ativos de sua comunidade. Com esse afervoramento espiritual surgem paroquianos cada vez mais dispostos a trabalhar, como auxiliares de seus párocos, na conquista de almas para Deus.

O apostolado assim realizado pelos diversos tipos de oratórios que peregrinam por incontáveis lares no mundo inteiro tem constituído precioso instrumento utilizado pela Providência dias para que se concretize nos corações a realeza universal de Cristo e de Maria.

Quer você também receber o Oratório? Entre em contato:

Sede do Apostolado do Oratório

Rua Itá,381 – Vila Santos
CEP 02403-010 – São Paulo (SP) – Brasil
Tel. (11) 2973-9477
E-mail: [email protected]

CLIQUE NA IMAGEM E CONHEÇA MELHOR ESTE APOSTOLADO

(1)Bento XVI, Audiência Geral de 22 de agosto de 2012.
(2) idem.
Ilustrações: Arautos do Evangelho, wpress