By

Deus não se cansa

“É mais fácil nós nos cansarmos de pedir perdão, do que Deus se cansar de nos perdoar”.

Releia, caro internauta, a frase acima.

Foi ela proferida por lábios sacerdotais a poucos dias. Foi mais além para convencer que de Deus devemos esperar sempre o perdão. A única coisa pedida por Ele é estarmos arrependidos daquilo de errado que tenhamos feito.

Veja quando foram ditas estas palavras.

Read More

By

Quem é esta que surge como a aurora?

Assunção de Nossa Senhora
Vitral

Segundo a bela expressão de Santo Antonino, “Deus reuniu todas as águas e chamou-as mar, reuniu todas as suas graças e chamou-as Maria”. Em Maria Santíssima está a plenitude de graças e perfeições possíveis a uma mera criatura.

Desde toda a eternidade, foi-lhe reservado o privilégio de ser concebida livre da mancha original. Privilégio próprio Àquela que geraria em seu seio o próprio Deus feito Homem.

Transcorrida sua vida, o que Lhe aconteceria? Como poderia passar pela morte a Virgem Imaculada, jamais tocada pela mais leve sombra de qualquer falta?

Read More

By

Manter viva a esperança.

Neste sábado, 27, o Papa Francisco se dirigiu ao Theatro Municipal,no Rio, onde se encontrou com cerca de 2 mil representantes de diversos setores da sociedade civil, intelectuais, diplomatas e artistas.

Vejamos alguns trechos do seu pronunciamento.

Read More

By

O cristão é alegre, diz o Papa

Após celebrar Missa na Basílica de Aparecida, o Papa recebeu do Cardeal Raymundo Damasceno — Arcebispo de Aparecida — uma réplica da imagem da Padroeira do Brasil.

Dirigiu-se à “Tribuna Bento XVI”, no exterior da Basílica, abençoou a multidão de peregrinos — cerca de 200 mil — e pediu-lhes que rezassem por ele: “Eu peço um favor, rezem por mim. Necessito. Que Deus os abençoe e Nossa Senhora Aparecida cuide de vocês”.

E deu uma notícia:

Read More

By

O grande tesouro

Após a Missa matutina
O segundo estandarte (direita) é o dos
Arautos de Vitória

Férias! Tempo para muita coisa… inclusive para procurar — e encontrar! — um tesouro.

Isso aconteceu com os jovens de Vitória ao passarmos as férias em São Paulo. Mais propriamente participar do interessante Curso de Férias com os Arautos do Evangelho.

Mas, que tesouro encontramos?

Read More

By

Cariacica homenageia o Sagrado Coração de Jesus

A solenidade do Sagrado Coração de Jesus, celebrada no último dia 7 foi tocante.

A celebração eucarística presidida por D. Rubens Sevilha, Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Vitória foi concelebrada pelo Pe. Alexandro Firmino Barbosa, pároco da Igreja do Sagrado Coração de Jesus. O ato foi antecedido de uma procissão da qual participaram também os Arautos de Evangelho. Chegada à Matriz, a procissão foi recebida por uma alegre salva de fogos de artifício.

Os integrantes do Terço dos Homens participaram em grande número, pois como costumam afirmar: “acabou-se a época em que se achava que rezar é só para as mulheres. Nós homens fomos também criados pelo mesmo Deus, e queremos mostrar que O amamos pois é nosso Pai”.

Na homilia, Dom Rubens Sevilha ressaltou a confiança que devemos ter no Coração de Jesus, que é humano, mas que tem uma capacidade ilimitada de amar, por ser Deus. Nós nunca podemos, nem sequer pensar, que não nos será dado o perdão por qualquer pecado e que não somos mais amados por Deus.

* * *

Vem muito a propósito citar trecho das revelações do Sagrado Coração a Soror Josefa Menéndez, freira espanhola que está em processo de canonização:

“Ah! Se as almas soubessem como as espero cheio de misericórdia! Não posso descansar senão perdoando!

Estou sempre esperando com amor que as almas venham a Mim! Venham!… Atirem-se nos meus braços! Não tenham medo! Conheço o fundo das almas, suas paixões, sua atração pelo mundo e pelos prazeres. Sei, desde toda a eternidade, quantas almas me hão de encher o Coração de amargura e que, para grande número, os meus sofrimentos e o meu sangue serão inúteis! Mas, como as amei, assim as amo…

Não é o pecado que mais fere o meu Coração… O que o despedaça é não quererem as almas refugiar-se em Mim depois de o terem cometido.

Sim, desejo perdoar e quero que as minhas almas escolhidas deem a conhecer ao mundo como o meu Coração, transbordando de amor e de misericórdia, espera os pecadores.

Queria mostrar às almas que nunca lhes recuso a minha graça, nem mesmo quando estão carregadas dos mais graves pecados, e que não as separo então daqueles que amo com predileção. Guardo-as todas no meu coração, para dar a cada uma o que seu estado reclama.

Não é pelo fato de estarem em pecado mortal que devem afastar-se de Mim. Não julgem que já não há remédio para elas e que nunca mais serão amadas como foram outrora!

Não, pobres almas, não são estes os sentimentos de um Deus que derramou todo o seu sangue por vós!

Sou Deus, mas Deus de amor! Sou Pai, mas Pai que ama com ternura e não com severidade.

É fácil esperar tudo do meu Coração!” (*)

.
.
(*)Apelo ao amor, Sóror Josefa Menéndez, Editora Santa Maria, Rio de Janeiro