By

As maravilhas do Espírito Santo

No dia 8 de Junho os arautos de Vitória realizaram uma viagem à região serrana do Estado.

Em Domingos Martins, pitoresca cidade de colonização alemã, visitamos diversos pontos: chafariz na praça principal, casa de doces típicos, rua direita, cascata do galo, etc.

Mereceu especial especial atenção em nosso passeio a Rota do Lagarto, estrada que contorna a Pedra Azul e é repleta de pousadas e sítios encantadores. O clima frio favoreceu enormemente a viagem e propiciou o convívio que entremeou conversa, orações em conjunto… e paradas para degustação…[Gallery not found]

By

Um convite à santidade através do convívio entre irmãos

Grupo dos arautos de Nova Friburgo e Vitória no Convento da PenhaDurante quatro dias os arautos de Vitória puderam experimentar uma das alegrias que nos encherá a alma por toda a eternidade no céu: o convívio.

Algumas almas tomadas pelo espírito prático de nosso século XXI podem se perguntar: “Mas o convívio? Algo tão sem graça e banal?”

Respondemos: “Sim, o convívio!”

Esse dom de Deus, que nunca foi tão banalizado quanto em nossos dias, podemos vê-lo claramente entre os primeiros cristãos “Vejam como eles se amam!”, e até dado como divino preceito “Amai-vos, uns aos outros, como Eu vos amei”.

Mas afinal que convívio foi esse que tanto nos alegrou?

O convívio entre irmãos de vocação.

Por ocasião dos festejos do carnaval fomos agraciados com a visita do Revmo. Pe. Lourenço Ferronato EP e mais 26 arautos da cidade de Nova Friburgo/RJ.

Nesses quatro realizaram-se diversas atividades em conjunto, entre as quais destacamos: as Santas Missas, onde participaram os familiares dos jovens aspirantes; uma escalada ao Morro do Moreno; natação no mar; jogos entre equipes; visita ao Convento da Penha e à Catedral Metropolitana e uma peregrinação até o Santuário de Beato José de Anchieta, na cidade que leva seu nome, a cerca de 100km de Vitória.

No jantar de despedida, um dos jovens de friburguenses, em seu “discurso” de agradecimento,  disse uma frase que resumiu e coroou estes dias abençoados: “Viver é estar juntos, olhar-se e querer-se bem”.

E isso serve de convite à reflexão, inclusive aos “espíritos fortes” de nosso século, essa singela verdade saída dos lábios de uma alma inocente: no céu passaremos a eternidade juntos, olhando-nos e querendo-nos bem.

Abaixo estão algumas fotografias registradas em diversos momentos da estadia.[Gallery not found]

By

Peregrinação a Aparecida do Norte e Igreja Nossa Senhora do Rosário

Peregrinação a igreja de Nossa Senhora do RosárioDurante o feriado de Carnaval os Arautos promoveram uma peregrinação a Aparecida do Norte e a Igreja Nossa Senhora do Rosário (dos Arautos do Evangelho). Participaram da viagem 26 pessoas (entre jovens aspirantes dos Arautos e seus familiares)

Saímos de Vitória no dia 05 de Março e neste mesmo dia rezamos aos pés da Rainha do Brasil, Nossa Senhora da Conceição Aparecida. Chegamos à tarde na Basílica onde pegamos o final de uma Celebração Eucarística. Todos rezaram pelos seus familiares diante da imagem milgarosa. Depois de passar na capela do Santíssimo Sacramento fomos conhecer o aquário que fica nas imedições da igreja. Partimos então para Mairiporã, onde localiza-se a igreja dos Arautos, Nossa Senhora do Rosário.

No dia 06 pela manhã assistimos a Missa que foi celebrada pelo Revmo. Pe. Antônio Guerra EP e fomos conhecer algumas sedes dos Arautos na Serra da Cantareira: Lumen Propheta e Monte Carmelo onde se encontra a igreja de Nossa Senhora do Carmo.

 No dia 07 deixamos Mairiporã com destino a Campos do Jordão/SP. Conhecemos a cidade, apesar do denso nevoeiro, e subimos ao Pico do Itapeva (ponto mais alto da cidade). Rumamos então para Juiz de Fora/MG onde pernoitamos. Lá conhecemos a igreja da Glória. Na sede dos Arautos, esperáva-nos um apetitoso “churrasco à moda mineira”, sempre acompanhado de muita conversa e santa alegria. Regressamos a Vitória depois do almoço.

Muito resumidamente, seriam estes os principais pontos desta magnífica viagem, na qual, certamente, Maria Santíssima derramou abundantes graças sobre as almas de todos. Não deixem de ver as fotos:[Gallery not found]

By

Viagem de Férias – Curitiba

Os arautos de Vitória no Jardim Botânico - Curitiba/PRPrezados leitores,

Estamos hoje, dia 17 de janeiro, em Curitiba.

Devido ao excesso de atividades, e escassez de tempo, me permito apenas enumerar os locais visitados e postar algumas fotos.

1-      Chegada à casa dos Arautos

2-      Visita ao Jardim Botânico

3-      Confeitaria e Sorveteria Marcolini

4-      Bosque do Alemão

5-      Fábrica de Vinhos Durigan

6-      Parque Tanguá

Observação importante: todos esses locais foram visitados hoje, e ainda um tour pelas partes principais da cidade com seus parques e praças.

Amanhã esperamos poder visitar o zoológico da cidade antes de sairmos de volta para São Paulo.

[Gallery not found]

By

Viagem de Férias – Ponta Grossa/PR 3

Os arautos de Vitória na Pedra da Garrafa em Vila Velha/PRApós o almoço, uma pequena pausa para orações e saída para Vila Velha… não a do nosso querido Espírito Santo, mas ainda no Paraná.

O Parque Estadual de Vila Velha é uma área onde se encontram formações rochosas únicas no mundo. Constituídas de Arenito as pedras têm as formas mais peculiares: bota, águia, garrafa, camelo, taça, etc.

Quando retornamos, todos assistiram à Santa Missa que foi celebrada pelo Revmo. Pe. Isoldino José Quintão e Silva, EP. Alguns de nossos jovens atuaram durante a Celebração como leitores e acólitos.

Depois de um dia cheio de atividades, tudo, literalmente, terminou em pizza. [Gallery not found]

By

Viagem de Férias – Ponta Grossa/PR 2

Os arautos de Vitória em Ponta Grossa/PRO dia 16 foi especialmente cheio para os nossos viajantes.

Logo cedo, após o farto café da manhã, partimos para o Buraco do Padre, gruta belíssima localizada cerca de 8Km da casa dos Arautos. Como seria inútil tentar descrever o local, me limito a postar as fotos. Não se assustem com as proporções, elas certamente estão aquém da realidade.

Parte do caminho teve que ser percorrido a pé e foi repleto de boas surpresas: fontes de água, rica fauna, etc. Mas a melhor surpresa foi a vista da gruta que esconde uma cachoeira de mais de 30 metros de altura. A temperatura da água estava excelente e o convite foi irresistível… todos pularam na água. Houve ainda uma disputa de castelos de areia.

De volta à casa dos Arautos, um super almoço com direito a churrasco à moda do sul. Nada mais oportuno…[Gallery not found]