By

VITÓRIA EM CONGRESSO INTERNACIONAL

Para os 800 participantes, foi muito gratificante, formativo e proveitoso participar do 13º. Congresso Internacional dos Cooperadores dos Arautos do Evangelho, realizado no Seminário Arautos do Evangelho – Thabor, localizado na Serra da Cantareira, em cujo complexo também se encontra a Basílica Menor Nossa Senhora do Rosário.

Os Cooperadores dos Arautos do Evangelho, vindos de todas as partes do Brasil e de vários países do mundo puderam apreciar as exposições do Revmo. Pe. Ricardo Basso, EP e Revmo. Pe. Alex Britto, EP e aperfeiçoar-se para a missão própria aos Cooperadores: a par de sua vida familiar e profissional, levar a mensagem de esperança do Evangelho a todos ambientes com os quais têm relações. Tarefa especialmente necessária nos conturbados dias porque passamos.

Outra nota que a todos impressionou foi a pujança crescente que os Arautos do Evangelho e, em particular o setor dos Cooperadores, vai tendo no mundo inteiro. Nota especialmente gratificante pela sua característica de serviço e fidelidade irrestrita à Santa Igreja Católica.

Os participantes também puderam ter contato com duas Autoridades Eclesiásticas: o Bispo Auxiliar de São Paulo, Dom Sérgio de Deus, que celebrou a Santa Missa inaugural do Congresso no dia 28 de Julho, sexta feira e, com Dom Frei Jaime Splenger, OFM, Arcebispo de Porto Alegre, que além de celebrar a Santa Missa no Domingo , participou ativamente da conferência da parte da manhã, além de compartilhar um animado almoço junto com os Terciários.

RECEPÇÃO DE 100 NOVOS COOPERADORES

No segundo dia de Congresso, Sábado, houve também a belíssima cerimônia de recepção de novos Terciários. Em torno de 100 pessoas, de vários Estados brasileiros receberam a túnica de Cooperadores dos Arautos do Evangelho, assinando, ao mesmo tempo, o termo de compromisso que os liga à Instituição.

Ao final do último dia de Congresso, foram os Terciários brindados com um presente especialíssimo: estando impossibilitado de ir ao Congresso, Monsenhor João Clá Dias, Fundador dos Arautos do Evangelho, fez chegar a todos a sua mais recente Obra sobre a vida de São José: São José: Quem o conhece? O contentamento e o entusiasmo de todos diante deste presente foi caloroso.

Vários participantes sabiam que Mons. João Clá estava se dedicando, nos últimos meses, a escrever este livro, mas, no Congresso, todos tiveram oportunidade de ter em mãos, por uma especial gentileza do Fundador, essa Obra que, em 467 páginas aborda aspectos inéditos da vida e da Missão do grande Patriarca São José.

Afinal, como cita Monsenhor João Clá na introdução do referido livro, “a atuação de São José no terceiro milênio há de ser decisiva. Não foi por acaso que, na última aparição de Nossa Senhora em Fátima, os pastorinhos viram-no abençoar o mundo três vezes. O alcance profético dessas bênçãos ainda está por ser explicitado, mas, sem dúvida, elas marcarão os acontecimentos vindouros e terão um papel determinante para o cumprimento da promessa feita pela Santíssima Virgem na Cova da Iria: ‘Por fim o meu Imaculado Coração triunfará”.

Dom Sérgio de Deus, Bispo Auxiliar de São Paulo celebra a Missa inaugural

By

Nossa Senhora do Rosário de Fátima

É próprio da boa mãe, que ama seu filho, não ser indiferente às suas necessidades e aflições e, sobretudo, quando este se encontra em perigo e anda por vias tortuosas rumo ao desastre: prestimosa, ela vai a seu socorro. Ora, se assim é com qualquer dedicada mãe, o que não dizer d’Aquela que é a melhor de todas as mães, a Mãe de Deus e nossa?

Considere o leitor esta que é uma das maiores manifestações de amor de Nossa Senhora. Ela aparece em Fátima, em 1917, para os três pastorzinhos, Lúcia, Francisco e Jacinta. Misericordiosamente adverte à humanidade que se afasta de Deus quanto aos castigos que se precipitarão sobre os homens caso não deixem de ofendê-Lo, indica os meios de salvação e promete o triunfo, por fim, de seu Imaculado Coração, o Reino de Maria.

Read More

By

CHEGAMOS À FRONTEIRA DA HISTÓRIA

No dia 13 deste mês de maio, teremos finalmente chegado ao centésimo aniversário da primeira aparição de Nossa Senhora em Fátima, data tão esperada por nós, tendo em vista que a mensagem ali revelada fundamenta uma especial esperança para a humanidade, frente ao processo histórico de que foi objeto ao longo de sete mil anos.

Com efeito, as palavras da Senhora aos três pastorinhos convidam a elevar nossas vistas -viciadas por um mundo materialista, mecanizado e despojado de religiosidade- para considerarmos novos horizontes: os do Reino de Maria que nasce, cuja aurora começa a tingir de dourado alguns cumes de montanhas, prenunciando o meio-dia prometido. Read More

By

A VITÓRIA VIRÁ!

fundo-azul-luminoso-aeNeste ano de 2017 completam-se 100 anos das aparições de Nossa Senhora em Fátima. Em sua mensagem ao mundo, Nossa Senhora promete uma era de virtude e paz, bem o oposto do que podemos constatar em nossos dias. Por que a demora em vermos mudar completamente o clima de guerras, violência, crimes e pecados que nos cerca? É o que responde o Mons. João Clá Dias, Fundador e Superior Geral dos Arautos do Evangelho no artigo a seguir.

Read More

By

O ANJO E OS PASTORINHOS DE FÁTIMA

anjo-loca-cabeco-aeAs aparições de Nossa Senhora em Fátima foram precedidas por três visões que Lúcia, Francisco e Jacinta tiveram do Anjo de Portugal, ou da Paz, entre abril e outubro de 1916, em uma colina próxima da Cova da Iria, denominada Cabeço. Por meio das palavras do Anjo, a Providência predispunha as crianças para o momento em que a própria Maria Santíssima lhes falaria.

Read More

By

ANO DE FÁTIMA, ANO DA FÉ

pastorinhos-aeUm dos grandes acontecimentos que marcarão este ano é o centenário de Fátima, onde as mensagens da Mãe de Deus foram transmitidas a três pastorzinhos.

Eles ficaram universalmente conhecidos pela dedicação em difundir o tesouro que lhes fora revelado, e em cuja veracidade creram, enfrentando todas as tentativas de dissuasão de que foram objeto, apesar de sua tenra idade.

O que os distinguiu das demais crianças da época não foi apenas o terem ouvido Maria, mas também, e sobretudo, o terem tido fé em sua voz, e nisto consistiu essencialmente a sua fidelidade. Ora, de onde lhes veio esta fé?

Read More